Logística

5 dicas para reduzir os custos de envio de cargas

O planejamento eficiente da estrutura logística de uma empresa — ou apenas dos envios realizados por ela — exige que sejam analisados alguns fatores relacionados não somente à empresa, como também aos cenários externos. E, independente de quais sejam as decisões do gestor, ele sempre terá em mente a redução de custos no negócio.

5-dicas-para-reduzir-seus-custos-de-envio-prestex

Então, quer aprender algumas boas práticas para reduzir os custos de envio nas entregas realizadas pela sua empresa? Confira a seguir!

1. Estruture sua logística a partir de uma localização estratégica

Esse é o principal fator não só para garantir menores custos no envio de produtos, mas também para uma alta eficiência nos serviços. Se a empresa tem envios constantes ou trabalha diretamente com logística, o galpão ou os centros de distribuição devem atender a requisitos estratégicos, a fim de aperfeiçoar o negócio e facilitar a circulação de cargas e veículos.

Assim, haverá menos gastos com o consumo de combustível, redução da manutenção da frota e menos gastos com pessoal.

Além disso, é importante fazer uma análise do que é mais vantajoso para o posicionamento do depósito de seu negócio: se é melhor estar próximo dos clientes mais assíduos ou dos locais de fabricação dos produtos, por exemplo. Às vezes, mudar de galpão pode reduzir os custos de envio consideravelmente.

2. Use a tecnologia a seu favor para reduzir os custos de envio

Não pense nas tecnologias como gastos pouco importantes. Na verdade, esses novos softwares podem ser um grande investimento para o seu negócio. Sistemas de monitoramento de estoque, assim como ferramentas de gestão de frotas, podem agilizar remessas e envios, reduzindo custos a longo prazo e controlando as entradas e saídas de mercadorias dentro de uma empresa, de forma bem precisa.

3. Defina as melhores rotas dos transportes

É interessante que sejam analisadas, com cuidado, as rotas pelas quais os transportes passarão. Isso porque nem sempre uma rota mais rápida será necessariamente a mais barata.

Além disso, tudo dependerá das demandas que você tem, visto que uma situação de urgência, por exemplo, poderá motivar o pagamento maior de frete pelos clientes.

4. Use modais alternativos terceirizados ou por conta própria

Se algumas entregas que sua empresa tem que cumprir requerem que sejam percorridas apenas pequenas distâncias, pode ser mais conveniente e barato fazer a entrega em outros tipos de modais, sem usar os carros da frota. Pode ser o caso de aproveitar motoboys contratados ou ciclistas. Ainda é possível usar um carro dedicado para fazer entregas específicas em uma região ou a médias distâncias.

5. Contrate empresas focadas em logística emergencial

Dependendo do volume de produtos e da urgência necessária para completar as entregas, pode ser muito interessante e proveitosa a contratação de uma empresa que faça traslados emergenciais. Nesses casos, é muito comum que as cargas passem por diferentes modais de transporte e que a empresa conte com parcerias para finalizar as coletas e entregas em diversas cidades do país.

Portanto, essas soluções oferecerão agilidade e pontualidade no cumprimento de sua logística de emergência.

Em síntese, é importante ressaltar que a análise de cada situação logística deve fazer parte do planejamento das empresas. Dessa forma, o gestor vai reunir dados suficientes para saber quais as melhores decisões para a organização.

Como você reduzir os custos de envio de produtos, documentos e afins na sua empresa? Compartilhe conosco!